NÃO SOMOS BALBÚRDIA !!!

By | 1.5.19 Leave a Comment







- NOTA DE REPÚDIO -

A Associação dos Estudantes Secundaristas do Rio de Janeiro vem a
público manifestar seu total repúdio ao anúncio do Ministério da Educação nesta
terça-feira (30/04), onde noticia um bloqueio de 30% na verba de todas as
universidades e institutos federais do país.
Temos em mente que as universidades e institutos de ensino devem
sempre ser um espaço de liberdade de expressão e de ideias. Justificar um corte
de gastos tão expressivo com algo tão subjetivo e não categorizado como
"balbúrdia" abre perigosos precedentes para minar essa liberdade com medo e
autoritarismo.
Entendemos que também não faz sentido justificar esse bloqueio com
uma suposta ineficiência, já que as universidades primariamente afetadas estão
entre as 50 melhores da América Latina, segundo o ranking publicado pela
revista britânica "Times Higher Education".
Declaramos também nossa discordância completa da visão mercantil que
se foi posta sobre a educação. Vemos a educação como meio de formar
cidadãos e cidadãs cientes de sua realidade e com senso crítico para atuar nas
diferentes situações da vida. Em nossa visão, o aluno não é apenas alguém que
servirá no futuro ao mercado como mão de obra, mas também é um indivíduo
singular que deve usar a educação para aperfeiçoar a si mesmo nos mais
diversos aspectos da vida pública e privada.
Deixamos aqui nossa posição contrária à reforma da previdência e à
utilização do ensino público superior como moeda de troca para a aprovação da
reforma. Dizemos isso com base nas declarações do MEC na noite do dia 30/04
de que os bloqueios orçamentários poderiam ser revistos pelos ministérios da
economia e casa-civil caso a reforma da previdência seja aprovada no
congresso. Reiteramos nossa posição diametralmente oposta à essa que se
coloca de uma educação como mercadoria, onde apenas é vista como gastos
públicos indistintos dos demais. Para nós, a educação deve ser um direito
universal.

Rio de Janeiro – RJ, maio de 2019
Associação dos Estudantes Secundaristas do Rio de Janeiro
Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: