Nota de repúdio ao molestador que abusou sexualmente da estudante normalista no ônibus

By | 02:40:00 Leave a Comment
              Há alguns dias a AERJ divulgou um texto falando sobre o assédio sexual que as estudantes sofrem por conta de seu uniforme (Texto indecente é teu assédio). Infelizmente, para nossa revolta e tristeza, uma jovem normalista de 16 anos foi molestada dentro de um ônibus a caminho da escola (Link da reportagem). 

              Indignação e insatisfação é pouco perto do que sentimos diante de casos como este. Isso só faz ressaltar o que nós, estudantes, passamos e que estamos sujeitas a vários tipos de violência. Ainda precisamos lutar por uma educação não sexista e libertária. Nós da AERJ, repudiamos todo e qualquer tipo de violência de gênero. Assim sendo, repudiamos o ato deste homem que só ajudou a evidenciar o perigo que ainda corremos. Nosso total apoio a vítima deste ato tão cruel e desrespeitoso. Moçx, nós te entendemos. Também somos abusadas, oprimidas e silenciadas. Você não está só. Sua luta é a nossa voz.
             

              Raissa Moraes
Diretora de Mulheres da AERJ


              A AERJ apoia o ato das normalistas (Link da reportagem) pelo fim da violência de gênero e pelo fim da erotização dos uniformes. Domingo às 14h haverá um novo ato, no Posto 4 em Copacabana. Marcaremos presença e mobilizaremos juntos às normalistas. A violência de gênero não pode passar despercebida! Porque nós, mulheres, também gritamos que: AERJ somos nós, nossa força e nossa voz! 



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: