“Após anos sem atender o movimento estudantil AERJ conquista na pressão reunião com Governador para debater Corte de Verbas educação do Estado.”

By | 16:45:00 1 comment

     Hoje foi um dia que com certeza ficara marcado na história da Cidade de Nova Iguaçu. No dia de hoje  o Governador do Estado do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão visitou o Instituto de Educação Rangel Pestana em Nova Iguaçu que é a maior e principal escola da cidade pra botar em prática seu projeto de governo que é o “Gabinete Itinerante.” Onde o Governador passa um dia na cidade para falar com a população, beijar crianças e fingir que as coisas estão as mil maravilhas. 

   Porém a AERJ os estudantes do IERP e da Faetec João Luis do Nascimento não aceitam tal hipocrisia. Depois de ter cortado 547 milhões de reais da verba da educação do estado e consequência disso várias escolas estaduais estão passando por muitas dificuldades como por exemplo: o Colégio Estadual Hebert de Souza que está sem verba pra comprar material escola, CE Infante Don Henrique que está com falta de Papel Higiênico, Colégio Estadual Magé que ficou quase uma semana sem merenda, a FAETEC que está a quase 3 meses sem pagar os funcionários terceirizados entre outras situações muito complicadas.

 E com isso os estudantes organizaram um grande ato contra o corte de verbas da educação e reinvindicado pautas especificas como a Climatização no IERP que já é um assunto falado a muito tempo e que o Governo do Estado continua nos enrolando. O ato se concentrou na Praça da Liberdade a 8 horas da manhã e saiu as 10 horas com faixas e cartazes a caminho do Instituto. 

No meio do ato descobrimos que a corpo pedagógico da FAETEC estava proibindo os estudantes de saírem da escola para o ato e com essa informação decidimos passar em frente a escola para resolver esse problema. Chegando na FAETEC vimos que de fato isso estava acontecendo e ocupamos o pátio da escola até o corpo pedagógico liberar os alunos das “celas” da escola para se somar a luta com a gente. 

Com o ato completo partimos em direção ao Instituto de Educação para fazer uma “calorosa” recepção ao Governador. Chegando lá fomos surpreendidos com o fato de estar presente todo o corpo de secretários do Governador o Prefeito da Cidade e vários vereadores além do próprio Pezão.  

Entretanto maior que nossa surpresa foi o desespero de todos órgãos do Governo quando chegamos gritando “Olele, olala se tiver corte de verbas, Nova Iguaçu vai parar.”, chegamos a entrar na escola e fazer um viva voz para explicarmos nosso motivo de estar ali. Depois de muito gritar, suar e com muita energia e resistir em meados de meio dia o gabinete do Governador nos procurou no meio da manifestação com a informação de que o ”ilustre” convidado da cidade iria nos receber pra ouvir nossas pautas.

Nos reunimos com o Governador e apresentamos nossas pautas e conseguimos arrancar o compromisso de que o Instituto de educação Rangel Pestana será a primeira escola tombada a receber climatização e da Aerj ter uma agenda com o Governador para tratarmos do Corte de Verbas.  Isso prova que a melhor forma para obter conquistas é luta. 



O dia de hoje foi marcado com muita combatividade e garra dos estudantes Iguaçuanos. E esse foi só um recado que se o Governo do Estado manter esse corte a AERJ vai se manter ocupando todos os espaços pra dizer que se tiver corte não vai ter sossego e escola que não se manifeste contra essa injustiça.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário: