ENE 2014: VENHA CONSTRUIR CONOSCO UM NOVO PROJETO DE EDUCAÇÃO

By | 15:36:00 Leave a Comment

Vivemos um momento de lutas na sociedade brasileira, marcado pelas grandes manifestações de junho de 2013 e por diversas greves dos trabalhadores em 2014, nas quais uma das principais reivindicações foi uma educação pública, gratuita e de qualidade. Nesse contexto, diversas correntes políticas, entidades estudantis, sindicatos da área da educação e de outros viram a necessidade de se construir um novo espaço autônomo de debate sobre a educação, no qual pudesse se contribuir para um projeto comum de todos que constroem a luta dos trabalhadores e da juventude no nosso país. Por isso, esses setores começaram organizar o ENE (Encontro Nacional de Educação), que se realizará do dia 8 a 10 de agosto deste ano, no Rio de Janeiro.

Os governantes brasileiros não fazem questão de disfarçar seu descaso com a educação, o Plano Nacional de Educação elaborado para vigor de 2011 a 2020, ainda nem foi sancionado. Além disso, não aborda temas fundamentais, como a democracia nas universidades e continua fortalecendo os tubarões de ensino, já que não vincula o investimento de 10% do PIB somente em educação pública. Enquanto isso continuou com 13,2 milhões de analfabetos no país, apenas 15% dos jovens cursando o ensino superior, as universidades e escolas públicas cada vez sendo mais sucateada, e a terceirização destruindo os direitos dos trabalhadores.

O ENE, por sua vez, deve ser o espaço onde discutamos esse novo projeto, na qual todos possam participar e contribuir. Não podemos deixar esta oportunidade passar, temos que fazer do ENE um marco na nossa luta por um novo projeto de educação. Por isso, a AERJ convida todos os estudantes do Rio de Janeiro para esse encontro que fomentará o debate educacional e darão um novo fôlego as reivindicações históricas do movimento estudantil.


Eixos principais dos debates:
-Privatização e mercantilização da Educação: das creches a pós graduação;
-Financiamento da Educação Pública;
-Precarização das atividades dos trabalhadores da Educação;
-Avaliação meritocrática na educação;
-Democratização da educação;
-Acesso e Permanência;
-Passe Livre e Transporte Público.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: