Estudantes do Leopoldina dizem não a repressão!

By | 14:25:00 Leave a Comment

Estudantes do Colégio Leopoldina da Silveira com o apoio da Associação dos Estudantes Secundaristas do Estado do RJ e do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação, realizaram no último dia 23 um ato pela volta do professor Mauro Célio que leciona filosofia. O profissional de educação foi afastado da Unidade escolar e responde um inquérito administrativo, por ter apoiado a mobilização dos estudantes, no ano de 2011, quando lutavam pela climatização no Leopoldina da Silveira.
Na medida em que o tempo vai passando, a direção do colégio tenta “abafar” a questão, e se cala perante os estudantes que exigem uma resposta pelo afastamento. Porém, a falta de explicação para o assunto só evidencia o absurdo que é o processo e a suspensão do professor.  Foi com essa indignação que os estudantes organizados pelo movimento construção coletiva –Colégio Estadual Leopoldina da Silveira disseram que queriam a volta do professor e um colégio mais democrático, usando palavras como: “Se o Mauro não voltar, o Leopoldina vai parar” e “A ditadura já acabou, só esqueceram de avisar o diretor” os alunos paralisaram o turno da manhã e praticamente não houve aula.

Assim como é evidente que a perseguição ao professor é exclusivamente por um posicionamento político, é tão evidente quanto o que vem sofrendo alguns alunos, que se indignam com as condições estruturais e pedagógicas precárias do colégio, e tentam transformar as coisas através da luta por uma escola pública de qualidade. No entanto, esses alunos recebem ameaças serem processados.
A fim de que possamos construir um colégio verdadeiramente democrático, exigimos no ato a volta do professor Mauro Célio, que recebe não só o apoio dos estudantes, mas também de toda comunidade escolar; eleições para diretores; e o diálogo, que hoje não existe, da direção com o movimento estudantil. Só assim atingiremos a todos os estudantes do Leopoldina, mostrando que só existe um caminho exitoso, o da luta.  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: